so much to see and being inspired

Não foi a primeira e nem a última, mas foi uma visita muito especial.
O motivo foi o trabalho, mas as desculpas eram pra (re)conhecer cantos e pessoas especiais que só São Paulo tem.
Deslumbrada. Essa é a palavra que eu sentia com o clima, as pessoas, o tempo, as novidades, os lugares…
É uma energia inexplicável. Tentei e consegui curtir todos os momentos como se fosse minha última vez por lá. E foi nessa tentativa, que eu me convenci, que certamente não foi a última, mas sim a mais encorajadora para me provar que meu lugar é por lá…
Não quero falar muito, apesar de ter muito para falar. Só quero agradecer ao meu chefe pela oportunidade, a minha amiga, Bruna, pela 25 de Março e pelo passeio na Paulista, a Laka (a ruiva das fotos) e ao Vegas, por uma música incrível e por uma vibe indescrítivel, aos bares da rua do teatro, a rua Augusta, por ser tão encantadora na noite como é por si só, a Marília e a Nati, pelo nosso encontro mais do que esperado e bem aproveitado, no Starbucks mais aconchegante desse mundo, ao Paulo, pelos momentos de risadas, coincidências, afetos e de guia-turístico e também ao acaso, por ter colocado todas as outras pessoas com quem conversei no metrô ou encontrei paradas em um bar e de uma forma ou de outra, fizeram parte dessa minha semana.
Algumas fotos aleatórias. Depois vêm as dicas especiais!



















Sim, existe amor em SP.

5 pensamentos sobre “so much to see and being inspired

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s